terça-feira, 9 de outubro de 2012

O neon Cardinal


O Neon cardinal (Paracheirodon axelrodi) é um dos peixes ornamentais mais apreciados e utilizados no mundo aquarístico, dada sua beleza incomparável. Esta espécie foi descoberta na década de 50 por Hebert R. Axelrod. Pertencendo à família Characidae, possui como característica principal a faixa neon, que percorre seu corpo horizontalmente e termina na base da nadadeira adiposa, e o ventre vermelho.
É de origem sul americana e está amplamente distribuído desde o Rio Orinoco na Venezuela, pelo rio Vaupes e o norte e leste do rio Negro (Brasil) até o noroeste da Colômbia.
O vídeo mostra o neon em seu ambiente natural



Na natureza, vivem em águas ácidas, cujo pH pode ser até menor que 4.0, quentes, moles e na maior parte escuras. O neon pode atingir cerca de 5 cm quando adultos, são peixes de cardume e pacíficos nadando à meia água e no fundo do aquário.
São onívoros, sendo assim, acabam comendo de tudo, porém é de fundamental importância que sejam alimentadas com rações de qualidade.
O neon cardinal é uma espécie ovípara, são considerados disseminadores livres, pois a fêmea libera os ovos na água e o macho nada em volta fertilizando-os.
A reprodução do neon em cativeiro não é impossível, porém a maioria absoluta dos neons encontrados para a venda no Brasil são pescados diretamente da natureza. Na Europa e Ásia a reprodução deles em cativeiro já vem sendo praticada por anos.
Apesar de serem encontrados em águas muito ácidas na natureza, a melhor faixa de pH para se manter a espécie em aquários vai de 5.0 a 6.6. Por viverem em águas ricas em ácidos tânicos e húmicos é importante manter a dureza da água o mais baixa possível.
A temperatura da água deve ser elevada, sempre acima dos 26°C e, apesar do calor, não havendo exigência de forte iluminação para seu desenvolvimento.
Em relação ao tamanho do aquário, como são peixes de cardume, deve-se calcular efetivamente a necessidade de espaço que comporte pelo menos 5 exemplares, algo em torno de 20 litros no mínimo.
Nesse vídeo, um belo aquário com neons:



Desde que tenha suas necessidades respeitadas o cardinal é um peixe bem resistente, o único aspecto a ser ressaltado é que por serem coletados na natureza geralmente percorrem vários quilômetros até chegarem nos pontos de venda. Sendo assim, na hora de comprá-los o ideal é averiguar se o lojista faz quarentena dos exemplares.
Neons são peixes de cardume, se não lhes é dada esta condição, podem se isolar e parar de comer, com isso, o peixe terá seu sistema imunológico deteriorado podendo ser acometido por alguma doença.
Existem no mercado outras espécies semelhantes também chamadas popularmente de "Neon". Os mais parecidos são o Neon Verde (Paracheirodon simulans) e o Neon Verdadeiro (Paracheirodon innesi).
Embora seja um exemplar de nossa fauna silvestre sua venda é permitida pelo IBAMA, porém devemos sempre ter em mente de nossa responsabilidade na manutenção e preservação dessa espécie, tomando os cuidados necessários em nossos aquários para que vivam plenamente. A Peixes & Pássaros defende um aquarismo ecologicamente consciente.